RADIO NOVO TEMPO

sábado, 12 de abril de 2014

LIÇÃO 3: A VISÃO DE DEUS SOBRE O HOMOSSEXUALISMO!

VERSO BÍBLICO: "Foi para a liberdade que Cristo nos libertou. Portanto, permaneçam firmes e não se deixem submeter no­vamente a um jugo de escravidão." Gaiatas 5:1.
FLASH: "Paulo pleiteava com os que haviam uma vez conhecido na vida o poder de Deus para voltarem a seu primeiro amor da verdade do evangelho. Com irrespon­díveis argumentos expunha perante eles seu privilégio em se tornarem homens e mulheres livres em Cristo, por cuja gra­ça expiatória todos os que fazem com­pleta entrega são vestidos com o manto de Sua justiça. A posição que Ele tomou é que cada pessoa que deseja ser salva precisa ter uma experiência genuína e pessoal nas coisas de Deus." - Atos dos Apóstolos, p. 388.


ESTUDANDO A HISTÓRIA: "Por isso Deus os entregou à impureza se­xual, segundo os desejos pecaminosos do seu coração, para a degradação do seu corpo entre si. Trocaram a verdade de Deus pela mentira, e adoraram e serviram a coisas e seres criados, em lugar do Criador, que é bendito para sempre. Amém, Por causa disso Deus os entregou a paixões vergonhosas. Até suas mulheres tro­caram suas relações sexuais naturais por outras, contrárias à natureza. Da mesma forma, os homens também aban­donaram as relações naturais com as mulheres e se infla­maram de paixão uns pelos outros. Começaram a cometer atos indecentes, homens com homens, e receberam em si mesmos o castigo merecido pela sua perversão.
"Além do mais, visto que desprezaram o conhecimen­to de Deus, Ele os entregou a uma disposição mental re­provável, para praticarem o que não deviam. Tornaram-se cheios de toda sorte de injustiça, maldade, ganância e depravação. Estão cheios de inveja, homicídio, rivalida­des, engano e malícia. São bisbilhoteiros, caluniadores, inimigos de Deus, insolentes, arrogantes e presunçosos; inventam maneiras de praticar o mal; desobedecem a seus pais; são insensatos, desleais, sem amor pela família, implacáveis. Embora conheçam o justo decreto de Deus, de que as pessoas que praticam tais coisas merecem a morte, não somente continuam a praticá-las, mas tam­bém aprovam aqueles que as praticam."
"Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo, por meio de quem obtivemos acesso pela fé a esta graça na qual agora estamos firmes; e nos gloriamos na esperança da glória de Deus, [...]
"Como agora fomos justificados por Seu sangue, mui to mais ainda, por meio dele, seremos salvos da ira de Deus! Se quando éramos inimigos de Deus fomos recon­ciliados com Ele mediante a morte de Seu Filho, quanto mais agora, tendo sido reconciliados, seremos salvos por Sua vida! Não apenas isso, mas também nos gloriamos em Deus, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo, median­te quem recebemos agora a reconciliação."
"Foi para a liberdade que Cristo nos libertou. Por­tanto, permaneçam firmes e não se deixem submeter novamente a um jugo de escravidão. [.. .J Irmãos, vocês foram chamados para a liberdade. Mas não usem a liber­dade para dar ocasião à vontade da carne; ao contrário, sirvam uns aos outros mediante o amor. Toda a Lei se re­sume num só mandamento: 'Ame o seu próximo corno a si mesmo'. Mas se vocês se mordem e se devoram uns aos outros, cuidado para não se destruírem mutuamente," Romanos l :24-32; Romanos 5:1-2,9-11; Gaiatas 5:1,13-15.


VOCÊ SABIA?: O livro unChristian [Não cris­tão] revela o maior estudo sobre esse assunto que mostra como jovens com idade entre 16 a 29 anos exibem um menor grau de crítica para com o cristianismo do que as gerações anteriores quando tinham a mesma idade. Considere o seguinte relatório:
Não cristãos e cristãos explica­ram que além de seu reconheci­mento de que cristãos se opõem ao homossexualismo, eles acreditam que cristãos mostram excessivo desprezo e atitudes não amáveis para com gays e lésbicas. Uma das mais frequentes críticas feitas pelos jovens cristãos foi que eles acredi­tam que a igreja fez da homosse­xualidade um "pecado maior" que qualquer outro. Além disso, eles alegam que a igreja não os tem ajudado a aplicar os ensinamentos bíblicos sobre homossexualidade aos seus amigos gays e lésbicas.

sábado, 5 de abril de 2014

LIÇÃO 2: MAIS QUE UM TRABALHO!

VERSO BÍBLICO: "Pois o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males. Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desvia­ram-se da fé e se atormentaram com muitos sofrimentos." 1 Timóteo 6:10.

FLASH: "O indolente se priva da valiosa ex­periência obtida pelo fiel cumprimento dos deveres comuns da vida. Não são poucos, mas milhares os seres humanos que vivem apenas para consumir os be­nefícios que Deus em Sua misericórdia derrama sobre eles. Esquecem de dar ao Senhor ofertas de gratidão pelas rique­zas que Ele lhes confiou. Esquecem que por negociar sabiamente com os talen­tos a eles emprestados, devem ser pro­dutores tanto quanto consumidores. Se compreendessem a obra que o Senhor quer que eles façam como Sua -mão ajudadora, não fugiriam à responsabilida­de." -Atos dos Apóstolos, p. 353.



ESTUDANDO A HISTÓRIA: "Nem comemos coisa alguma à custa de nin­guém. Ao contrário, trabalhamos arduamente e com fadiga, dia e noite, para não sermos pesados a nenhum de vocês, não porque não tivéssemos tal direito, mas para que nos tornássemos um modelo para ser imitado por vo­cês. Quando ainda estávamos com vocês, nós lhes ordena­mos isto: Se alguém não quiser trabalhar, também não coma.
Pois ouvimos que alguns de vocês estão ociosos; não tra­balham, mas andam se intrometendo na vida alheia. A tais pessoas ordenamos e exortamos no Senhor Jesus Cristo que trabalhem tranquilamente e comam o seu próprio pão."
"Pois o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males. Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desviaram-se da fé e se atormentaram com muitos sofrimentos.
Você, porém, homem de Deus, fuja de tudo isso e bus­que a justiça, a piedade, a fé, o amor, a perseverança e a mansidão. Combata o bom combate da fé Tome posse da vida eterna, para a qual você foi chamado e fez a boa con­fissão na presença de muitas testemunhas. Diante de Deus, que a tudo dá vida, e de Cristo Jesus, que diante de Pôncio Pilatos fez a boa confissão, eu lhe recomendo: Guarde este mandamento imaculado e irrepreensível, até a manifesta­ção de nosso Senhor Jesus Cristo, a qual Deus fará se cum­prir no seu devido tempo. Ele é o bendito e único Soberano, o Rei dos reis e Senhor dos senhores, o único que é imortal e habita em luz inacessível, a quem ninguém viu nem pode ver. A Ele sejam honra e poder para sempre. Amém.
Ordene aos que são ricos no presente mundo que não sejam arrogantes, nem ponham sua esperança na incerteza da riqueza, mas em Deus, que de tudo nos pro­ve ricamente, para a nossa satisfação. Ordene-lhes que pratiquem o bem, sejam ricos em boas obras, generosos e prontos a repartir. Dessa forma, eles acumularão um te­souro para si mesmos, um firme fundamento para a era que há de vir, e assim alcançarão a verdadeira vida." 2Tes-salonicenses 3:8-12; 1 Timóteo 6:10-19.


VOCÊ SABIA?: Em média, um trabalhador americano mudará sua carrei­ra três a cinco vezes durante a vida. John Krumboltz, professor da Universidade de Stanford, descreve um fenômeno chama­do "ocupacionísmo" em que ele compara sexo, idade e etnia. é quando pessoas tratarão alguém de uma forma particular com base em seu título em vez de se basearem em quão bem ele de­sempenha seu trabalho ou até em como é seu caráter. Muitas pessoas podem se considerar fracassadas perto de outras com trabalhos de mais prestígio. Essa forma particular de discrimina­ção com frequência impede que as pessoas lutem por uma car­reira que elas realmente apre­ciariam por causa da reputação do trabalho.

sábado, 29 de março de 2014

LIÇÃO 1 DO 2º TRIMESTRE: O AMOR É PACIENTE!

VERSO BÍBLICO: "Agora, pois, vemos apenas um reflexo obscuro, como em espelho; mas, então, veremos face a face. Agora conheço em parte; então, conhecerei plenamente, da mesma forma como sou plenamente conhe­cido."! Coríntios 13:12.

FLASH: "Pois sabia que quando a alma deixa de fazer esta entrega, então o pecado não é abandonado, os apetites e as pai­xões ainda lutam por manter a suprema­cia e as tentações confundem a consci­ência. A entrega tem que ser completa. Toda alma fraca, em dúvida, que luta para se render inteiramente ao Senhor, é posta em contato direto com as agências que a habilitarão a vencer. O Céu lhe está próximo, e ela é sustentada e socorrida por anjos de misericórdia em todas as ocasiões de lutas e necessidade." - Atos dos Apóstolos, p. 299.


ESTUDANDO A HISTÓRIA: "Já lhes disse por carta que vocês não de­vem associar-se com pessoas imorais. Com isso não me refiro aos imorais deste mundo, nem aos avarentos, aos ladrões ou aos idolatras. Se assim fos­se, vocês precisariam sair deste mundo. Mas agora estou lhes escrevendo que não devem associar-se com qualquer que, dizendo-se irmão, seja imoral, avarento, idolatra, caluniador, alcoólatra ou ladrão. Com tais pes­soas vocês nem devem comer. Pois, como haveria eu de julgar os de fora da igreja? Não devem vocês julgar os que estão dentro? Deus julgará os de fora. 'Expulsem esse perverso do meio de vocês'" [...]
"Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o sino que ressoa ou como o prato que retine. Ainda que eu tenha o dom de profe­cia e saiba todos os mistérios e todo o conhecimento, e tenha uma fé capaz de mover montanhas, se não tiver amor, nada serei. Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, se não tiver amor, nada disso me valerá.
O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha. Não maltrata, não pro­cura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor. O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
O amor nunca perece; mas as profecias desaparece­rão, as línguas cessarão, o conhecimento passará. Pois em parte conhecemos e em parte profetizamos; quando, po­rém, vier o que é perfeito, o que é imperfeito desapare­cerá. Quando eu era menino, falava como menino, pensava como menino e raciocinava como menino. Quando me tornei homem, deixei para trás as coisas de menino. Agora, pois, vemos apenas um reflexo obscuro, como em espelho; mas, então, veremos face a face. Agora 'conheço em parte; então, conhecerei plenamente, da mesma for­ma como sou plenamente conhecido.
Assim, permanecem agora estes três: a fé, a esperan­ça e o amor. O maior deles, porém, é o amor." l Coríntios 5:9-13; 13.

VOCÊ SABIA?: De acordo com uma pesqui­sa feita em 2002, aos 20 anos, 75% norte-americanos entrevis­tados já haviam praticado sexo antes do casamento. Em outra pesquisa feita em 2009, 71% dos jovens americanos com ida­de entre 18 e 29 anos acharam que sexo pré-marital era bom. Entre a população casada ou comprometida abaixo dos 30, 77% dos entrevistados sentiram que seu relacionamento sexual foi muito satisfatório. Muitas pesquisas mostram que o sexo dentro do casamento é tido como muito "melhor" e muito mais satisfatório. Por que você acha que é assim?