RADIO NOVO TEMPO

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

LIÇÃO 10: CATIVANTE E MUITO MAIS!

TEXTO CHAVE: “Depois que lhe deu de beber, disse: ‘Tirarei água também para os seus camelos até saciá-los’” (Gênesis 24:19)




ESTUDANDO A HISTÓRIA: Abraão se perguntava como Deus cumpriria Sua promessa para torná-lo uma grande nação. Afinal de contas, lsaque ainda era solteiro, Sara havia morrido e ele tinha 140 anos de ídade. Chamando seu fiel servo Eliezer, Abraão o incumbe de encontrara futura esposa de lsaque.
O futuro do povo de Deus pendia na balança. Assim, Eliezer reuniu uma caravana de dez camelos carregados de presentes e viajou para a cidade de Naor, onde encontrou uma mulher cativante. Rebeca ofereceu água a Eliezer e também aos seus camelos. Note, ela era cativante e muito mais. Foi esse "muito mais" que fez toda a diferença. Mudou sua vida, sem mencionar a história do mundo. Ela se tornou a matriarca do povo de Deus. Desfrutou de uma grande aventura com Deus. E nenhuma geração desde então esqueceu seu nome. Por quê?
Porque ela fez o que era esperado e muito mais. Esta lição tem muito a nos ensinar sobre andara segunda milha. Também é uma história útil quando se pensa nas virtudes desejáveis em uma futura esposa. E, finalmente, nos incentiva a lembrar-nos de que Deus Se preocupa com o aspecto social da nossa vida.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

LIÇÃO 9: ASSUNTO SÉRIO!

TEXTO CHAVE: “Então Ló foi falar com seus genros, os quais iam casar-se com suas filhas, e lhes disse: ‘Saiam imediatamente deste lugar, porque o Senhor está para destruir essa cidade!’ Mas eles pensaram que ele estava brincando” (Gênesis  19:14).


ESTUDANDO HISTÓRIA: Esse episódio bíblico não se trata tan­to de Sodoma e Gomorra, as duas famo­sas cidades destruídas por Deus, mas de uma família dirigida por um homem cha­mado Ló. Ele era sobrinho de Abraão e, como tal, tinha na pessoa de Abraão um sólido exemplo de consagração. Quando Abraão lhe ofereceu seu pedaço da terra prometida, para onde Deus os havia con­duzido, Ló escolheu as opulentas e verdejantes planícies de onde se podia ver Sodoma. Foi uma decisão fatal.
Inicialmente, Ló e sua família devem ter morado em tendas, próximo à cidade. Mas, pelo relato bíblico, percebe-se que, após um tempo, Ló construiu uma casa dentro dos muros de Sodoma.
Com essa decisão, Ló lançou o funda­mento para a destruição de sua família. In­voluntariamente, ele havia trazido perigosas influências para perto de seu lar. Entre as sérias lições que não podem ser ignoradas nesta história, está a importância de ficar­mos bem longe das más influências para não sermos corrompidos.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

LIÇÃO 8: O GAROTO PRODÍGIO!

TEXTO CHAVE: “’Não toque no rapaz’, disse o Anjo. ‘Não lhe faça nada. Agora sei que você teme a Deus, porque não Me negou seu filho, o seu único filho’” (Gênesis 22:12)



ESTUDANDO A HISTÓRIA: Nossa vida muitas vezes é definida por momentos cruciais. Na vida de Abraão e Sara, vários momentos definiram seu relaciona­mento com Deus. Sua decisão de dar uma ajuda para Deus a fim de cumprir Sua pro­messa de fazer de Abraão uma grande na­ção - fazendo com que Abraão tivesse um filho com Hagar - foi um momento de incre­dulidade, pelo qual o mundo ainda está pa­gando o preço. O conflito entre os israelitas e os palestinos começou naquele momento.
Apesar dessa falha, Deus estende Sua gra­ça a Abraão e Sara e a Hagar e Ismael. Por direito, Deus poderia ter feito de Ismael o fi­lho da promessa, por meio de quem a se­mente de Abraão floresceria e por meio de quem o Messias viria para salvar o mundo. Mas Deus não fez isso. Ele manteve Sua pro­messa para Abraão e Sara, dando-lhes (sa­que. Mas por causa de sua anterior desobe­diência, eles teriam que suportar um outro momento crucial: o chamado de Deus para sacrificar seu único filho.